O tráfego na Internet
Alexa - The Web Information Company é um site americano especializado na análise do tráfego da Internet. A base de dados deles é impressionante, com a classificação de mais de 25 milhões de páginas do mundo inteiro.

Para classificar um site, a empresa utiliza o movimento dos últimos 3 meses (considerando visitas e páginas acessadas) a partir de uma fórmula não revelada. Cada um dos sites classificados recebe uma posição que varia de 1 - lugar que, sem surpresas, é ocupado pelo Google - crescendo sequencialmente até o último site classificado.

Os sites de vinhos mais visitados
A partir dos dados do Alexa foi possível determinar quem são os mais importantes participantes relacionados ao vinho na Internet brasileira. Compilamos o movimento de um total de 152 sites, divididos em 4 categorias:

  • 39 vinícolas
  • 50 importadores
  • 44 sites e blogs
  • 19 organizações, associações e confrarias

    Os dados do Alexa são atualizados diariamente, apresentando variações de um dia para o outro. As informações que utilizamos para nossa análise foram todas coletadas no dia 09/11/2010.

    Os ausentes
    Objetivamos tornar nossas tabelas o mais completas possível, incluindo o maior número de sites que pudemos compilar. Para isso utilizamos as listas de importadoras e de vinícolas do EnoEventos, as referências do Enoblogs e nossa memória. Entretanto, imaginamos que algumas omissões podem ter ocorrido.

    Diversas outras ausências são decorrentes da própria base de dados do Alexa, pois os sites com movimento muito pequeno não são classificados por aquele serviço e não foram, portanto, incluídos em nossas tabelas.

    E uma terceira causa de omissões é devida aos conceitos utilizados do Alexa, que classifica os sites pelo domínio. Isso significa que blogs residentes em sites de jornais, revistas, etc... não são considerados individualmente por aquele serviço e não puderam ser incluídos em nossa classificação. No entanto, o Alexa abre exceção para os sites de hospedagem de blogs (Blogspot, Wordpress, etc...) e o movimento de cada um de seus blogs puderam ser individualmente identificados.

    Dinheiro desperdiçado
    Muitas vezes, uma empresa investe um bom dinheiro no desenvolvimento de sua página, imaginando que apenas o fato de participar da rede irá trazer a visibilidade almejada. Nunca é assim, e normalmente o capital investido vai direto para o ralo, visto que o site não é acessado pelos consumidores que nem tomam conhecimento de sua existência. Falta a divulgação permanente e um conteúdo dinâmico e bem estruturado para atrair os visitantes e fazer com que eles retornem com frequência.

    Além de mostrar aos leitores a importância de cada um dos sites de vinhos do Brasil, a presente análise servirá, também, para orientar as próprias empresas na estratégia de divulgação de suas páginas. É importante estar presente na Internet, mas isso não basta. É necessário, também, aparecer...

    Oscar Daudt
  • Classificação das vinícolas
    Em relação ao movimento das vinícolas, não me parece que haja surpresas. As maiores vinícolas do país - Aurora, Miolo, Salton e Casa Valduga - lideram a classificação.

    (a coluna de Classificação Global exibe a colocação do site dentre os milhões de sites classificados pelo Alexa; quanto maior o número, menor o movimento do site)
    Classificação das importadoras
    No que se refere à classificação das importadoras, com 50 empresas listadas, as duas filhas de Ciro Lilla, Mistral e Vinci, lideram o ranking, com uma boa diferença sobre a terceira colocada, a Grand Cru. Isso não deve surpreender ninguém, tendo em vista que essas 3 importadoras dão uma importância muito grande a suas vendas para o consumidor final e com isso geram um bom movimento para seus sites. E é bom ressaltar que as duas primeiras colocadas manteriam essa colocação mesmo em uma classificação que unisse as 4 categorias em que dividimos nossa análise. Mistral e Vinci são os dois sites de vinhos mais movimentados do país.

    Surpresa mesmo foi encontrar a pequena Le Tire-Bouchon na quarta colocação, à frente da importante Decanter. Acredito que isso deva ser decorrente do fato de essa empresa ter uma mala direta que com grande frequência se comunica com seus clientes.

    (a coluna de Classificação Global exibe a colocação do site dentre os milhões de sites classificados pelo Alexa; quanto maior o número, menor o movimento do site)
    Classificação dos sites e blogs
    Em relação aos sites e blogs de vinhos, que proliferam na Internet, levantamos o tráfego de 44 endereços.

    Em primeiríssimo lugar, a genial idéia de Alexandre Frias, o Enoblogs, uma compilação de praticamente todos os blogs de vinho do Brasil e mesmo alguns do exterior. É uma ferramenta preciosa para quem quer acompanhar tudo o que é publicado sobre nossa bebida preferida. A constante interação com as redes sociais angaria ainda mais valor a essa idéia.

    Em segundo lugar, para nossa alegria e orgulho, o EnoEventos, que sem falsa modéstia se constitui em um dos mais importantes veículos de divulgação do vinho no Brasil.

    Em terceiro lugar, a pioneira e respeitada Academia do Vinho, de Carlos e Karin Arruda, de Belo Horizonte. No entanto, a discreta participação desse site nas redes sociais vem acarretando uma perda de dinamismo que diminui o tráfego de leitores.

    Em quarto lugar, uma verdadeira e agradável surpresa: o novíssimo Wine Report, de nossos colunistas Alexandre Lalas e Luciana Plaas, que recém entraram no ônibus e já estão sentados na janelinha do banco da frente. Um site dinâmico e com extensivo apoio das redes sociais para sua divulgação vem apresentando uma trajetória invejável.

    Em quinto lugar, o primeiro blog de nossa lista, o Falando de Vinhos, de João Filipe Clemente, que declara: "meu perfil não é o de ensinar, mas sim de aprender e compartilhar esses conhecimentos e experiências adquiridas ao longo dos anos."

    E na sexta colocação, mais um colunista do EnoEventos: o site de Marcelo Copello, Mar de Vinhos, cuja posição reflete o incontestável prestígio que esse crítico de vinhos desfruta, não só no Brasil, como também em Portugal.

    (a coluna de Classificação Global exibe a colocação do site dentre os milhões de sites classificados pelo Alexa; quanto maior o número, menor o movimento do site)
    Esquecer um blog que eu conheço é imperdoável. E ainda mais quando esse blog é de um amigo e que eu costumo ler regularmente. Trata-se do Um Papo Sobre Vinhos , do Guilherme Lopes Mair, que tem uma classificação global de 11.744.274 e se posicionaria em nossa tabela em 40° lugar.
    Classificação das organizações e confrarias
    Esta categoria engloba os sites institucionais do vinho, as associações de enófilos e as confrarias.

    (a coluna de Classificação Global exibe a colocação do site dentre os milhões de sites classificados pelo Alexa; quanto maior o número, menor o movimento do site)
     
    Comentários
    Rafael Moreira
    Importador FTP Wines
    Rio de Janeiro
    RJ
    09/11/2010 Oscar,

    Parabéns pelo trabalho. Para nós, importadores, são excelentes dados, pois como você mesmo disse no texto, os dados nos mostram se nosso dinheiro está sendo bem ou mal empregado.

    Eu como responsável pela área comercial e de marketing da FTP Wines fiquei muito satisfeito em ver nosso site aparecer na listagem, mesmo nossa importadora tendo apenas 2 anos de existência.

    Abraços!
    Carlos Marques
    Estudante - Wine MBA
    09/11/2010 Apesar de não haver grandes surpresas, elucida bastante. Parabéns pela iniciativa e pelo resultado.

    Em uma próxima oportunidade, na parte das importadoras, seria interessante incluir também alguns grandes vendedores diretos online (como a Wine.com.br, por exemplo), para ter uma noção de comparação com as importadoras.

    Abraços
    Luiz Cola
    Blog Vinhos e Mais Vinhos
    Vila Velha
    ES
    09/11/2010 Caro Oscar,

    Mais uma vez você arrasou! Um banco de dados desta natureza é de grande valia para todos os segmentos ligados ao vinho: Importadoras, Vinícolas, Sites, Blogs, Confrarias, etc... Todos nós ganhamos com este seu trabalho.

    Um brinde especial para você!
    Tatiana Machado Correa
    Enófila
    Rio de Janeiro
    RJ
    10/11/2010 Vi suas críticas aos preços dos vinhos importados no jornal O Globo de domingo. Parabéns.
    Silvestre Tavares
    www.vivendoavida.net
    Vitória
    ES
    10/11/2010 Parabéns pelo belíssimo trabalho!!!

    Abs e saúde
    Robert Phillips
    Representante
    Rio de Janeiro
    RJ
    10/11/2010 Achei muito boa sua lista e a novata Wine Society aparece muito bem. Porém estranho o esquecimento da tradicional KMM.

    Robert, não foi esquecimento meu. O motivo é que o site da KMM não é classificado pelo Alexa.

    Abraços, Oscar
    Daniel Salvador
    Enólogo
    Flores da Cunha
    RS
    10/11/2010 IMPRESSIONANTE pelo tamanho do envolvimento e influência da internet em nossas vidas.

    PARABÉNS pelo propósito...
    Bruno
    Engenheiro de computação
    Rio de Janeiro
    RJ
    10/11/2010 O Alexa já foi mais eficiente quando seu software vinha atrelado a varios aplicativos gratuitos que você baixava da internet. Chegou uma epoca que foi setado como vírus pela maioria dos softwares anti-virus pq ele se instalava junto com esses softwares sem a sua permissão.

    No Brasil está longe de ser uma referencia, porque para que ele indexe e aumente os pontos de um domínio você precisa estar utilizando seus aplicativos e se usa muito pouco por aqui. Funciona como o ibope da TV aberta, somente quem está utilizando aquele aparelhinho é que a empresa vai saber qm esta assistindo a qual canal.

    Dá para se ter uma noção, mas rankear as páginas e dizer se uma é mais acessada que a outra, isso só dá para dizer se os numeros forem muito maiores que o do outro pq a margem de erro é mto grande. Por exemplo, os que ficaram entre os 10 primeiros podem muito bem nao corresponder a esta ordem. O ultimo pode até ser o primeiro e vice-versa.

    Ja tentei utilizar o Alexa para varios fins, mas não dá para utiliza-lo como uma fonte confiavel. Só qm vai dizer qnto é o seu verdadeiro acesso são os logs do seu servidor.

    Talvez seja interessante promover uma pesquisa baseado em palavras chaves e verificar o que o google retorna para cada uma dessas pesquisas e rankea-los desta forma ou utiliza-lo no calculo de ranking. O google é muito mais inteligente no rankeamento de seus indexes. O problema é que ele nao te diz exatamente em numeros assim como o alexa faz.

    abs

    De todos os serviços que divulgam a classificação de sites, o Alexa é considerado o mais confiável. Ele utiliza como fonte de dados, não apenas sua base de usuários, como também diversas outras fontes.

    Além disso, o estudo elaborado é uma estatística e não uma contabilidade. O objetivo é fornecer uma visão geral do posicionamento relativo dos diversos sites ligados ao vinho e nisso a análise se saiu muito bem, fornecendo resultados que são inquestionáveis do ponto de vista da expectativa do mercado. Pouquíssimas foram as surpresas.

    Acho interessante sua idéia de utilizar dados provenientes do Google. Seria mais uma informação para subsidiar nossos leitores. Se você se dispuser a elaborar essa análise, teremos grande interesse em publicá-la.

    Abraços, Oscar
    Gil Mesquita
    Vinho para todos
    Uberlândia
    MG
    10/11/2010 Prezado Oscar,

    Parabéns pela iniciativa de listar os sites mais importantes do vinho no Brasil. Fiquei feliz (e muito surpreso) de ver o VINHO PARA TODOS no 10º lugar entre os blogs. Muito legal!

    Grande abraço.
    Valeria Patrocínio
    Médica
    Niterói
    RJ
    10/11/2010 Oscar

    Este trabalho é excelente para todos aqueles que gostam, vendem e propagam o vinho. Fiquei muito feliz em ver a Confraria das Amigas do Vinho e das Águas Escondidas na tabela.

    Quanto à colocação da Mistral, era de se esperar: o site é excelente e facilita demais a compra pela internet. Já a Decanter me surpreendeu, pois não se consegue fazer compras, só serve para olhar.

    Valéria
    Gustavo Kauffman
    Blogueiro e Enófilo
    Jundiaí
    SP
    10/11/2010 Oscar,

    Sensacionais estas informações!!! Parabéns pelo excelente trabalho.

    Um Abraço,
    Gustavo Kauffman
    http://www.enoleigos.com.br
    Gustavo L Mourad
    Enófilo
    Rio de Janeiro
    RJ
    10/11/2010 Belo trabalho Oscar!

    Eu procurei por 2 sites e não encontrei. Não sei se eles se enquadram nas categorias que vc postou, mas acho que estes também são grandes!

    Winetag - http://www.winetag.com.br - 1.262.755

    Enoteca - http://www.enoteca.com.br - 1.371.368

    Abcs!

    Sim, claro que se enquadram. Foi omissão minha! E ambos ficariam bem posicionados na tabela de sites e blogs: o Winetag ficaria em 4° lugar e a Enoteca ficaria em 6° lugar.

    Na próxima revisão do "Quem é quem" eles serão incluídos.

    Abraços, Oscar
    Christovao Oliveira Junior
    Belo Vinho
    Belo Horizonte
    MG
    10/11/2010 Oscar,

    Para variar mais um belo trabalho. Parabens pela matéria e pela excepcional posição do EnoEventos. Mais do que merecida.

    Parabéns a todos os mencionados, em especial àqueles que se destacaram em cada categoria. Espero que daqui a um ano tenhamos muitos outros sites e blogs sobre este assunto que nos apaixona.

    Um abraço,
    Christovão

    E parabéns a você também pela destacada posição do Belo Vinho!

    Abraços, Oscar
    Maria Lúcia Rodrigues
    Confraria Amigas do Vinho
    Rio de Janeiro
    RJ
    10/11/2010 Parabéns, amigo Oscar!!! A nossa Confraria Amigas do Vinho agradece o reconhecimento.

    Beijos & Vinhos,
    Maria Lúcia
    Debora Takushi
    Presidente Amigas do Vinho -SP
    São Paulo
    SP
    10/11/2010 Oscar,

    Parabéns pelo seu trabalho para o Universo do Vinho. Fico feliz de saber que a Confraria Amigas do Vinho está na classificação das organizações e confrarias.
    Juan José Verdesio
    ABS Brasilia
    Brasília
    DF
    11/11/2010 Parabens Oscar:

    O trabalho pode ser criticado desde muitos pontos de vista, sobretudo daquele dos engenheiros de computacão. Eu não o farei porque não entendo como para falar disso e também porque o trabalho merece todos os elogios apesar de tudo e de alguns. Esses alguns se refere aos que te criticam as vezes com comentários de baixo nível. Não citarei nomes que você conhece bem.

    Os índices indicam, por exemplo, que as instituições como as ABS's têm índices comparáveis aos dos blogs de meia pontuação. Quer dizer, apesar da influência que tem as ABS's no mundo dos vinhos no Brasil, os seus sítios são menos consultados (ou tem menos impacto) do que os dos blogueiros.

    Como você mesmo diz em resposta ás críticas técnicas do Bruno os resultados não apresentam grandes novidades.

    Ou seja, para nós na ABS Brasília, corrobora o que já sabíamos sobre o que temos que melhorar na nossa comunicação com a sociedade. Faz alguns meses que estamos num processo de auto-avaliação, não só do sítio, mas de todo o funcionamento da Associação para tentar crescer mais e crescer com sustentabilidade.

    O sítio e a ABS Brasília vão melhorar. Aguardem!!

    Brasília merece mais, sobretudo por ser o terceiro mercado consumidor no Brasil em vinhos, gastronomia, hotelaria e aviação. Merece sobretudo mais qualidade nos seus serviços de recepção, hospitalidade e alimentação. Em matéria de preços ao nível do consumidor há muito o que melhorar. Pareceria que em Brasília só tem sheiks das arábias do petróleo. Por exemplo, ontem vi, num supermercado de rede nacional, um vinho chileno de segunda línea por R$ 41!!! Este vinho chegou a ser vendido por R$ 14 em oferta recente e o preço médio normal é na faixa de R$ 25 a R$ 30.

    Parabéns também pela suas avaliações sobre as importadoras. Belo trabalho que desmistifica aquilo que sempre se alega sobre a carga impositiva para justificar o alto preço do vinho no Brasil, seja nacional ou importado.
    Helga Lima Carlos
    Enófila
    Rio de Janeiro
    RJ
    15/11/2010 Ótima essa pesquisa Oscar! Excelente o trabalho e muito útil para nós admiradores de vinhos para termos em nossos arquivos de pesquisa. Gostei de ver a simpática confraria da nossa amiga Maria Lucia, a qual tenho o prazer de ser uma das confreiras, figurando como uma das mais visitadas.

    Um abraço. Helga.
    Mauricio Ribeiro
    Empresário - Enófilo
    São Paulo
    SP
    15/11/2010 Acredito que nosso site deva também estar bem posicionado, pois trata-se de um site único em termos de busca de vinhos com um banco de dados de mais de 14.000 rótulos localizando os importadores em todo o Brasil e locais para consumo (restaurantes) ou compra (lojas especializadas) na cidade de São Paulo.

    Mauricio, não conhecia seu site e por isso não o incluí em nossa análise. Mas visitei e gostei muito, com uma base de dados realmente significativa.

    Segundo o Alexa, sua classificação global de hoje é de 10.646.945, o que o posicionaria na 38ª posição na tabela de sites e blogs.

    Abraços, Oscar
    Bruno
    Engenheiro de computação
    Rio de Janeiro
    RJ
    15/12/2010 Voltei para conferir alguns valores da lista e fico feliz que, para uma boa parte dos blogs e sites, o ranking melhorou bastante agora neste final de ano. Abs.
    EnoEventos - Oscar Daudt - (21)9636-8643 - odaudt@enoeventos.com.br